Pedacinhos de Mim

Quando estiver só vem me procurar...Ilumina minhas palavras com a luz do seu olhar.

Textos



Há um sol
Naquele poente
Resplandecente...
Há fumaça sem voz
Com jeito de amor,
Em voejos de pombas,
Leveza de aceno...
Há um rancho de espera,
Um poço de pranto,
Um olhar de espanto...
Há um rio que é poeta
A sonhar com a paz,
Fecundando sementes
Num leito de solidão.
Há pressa e vagar
Nos seres humanos...
Há sonhos pintados
Nos sonhos da gente,
De repente...

Campinas/23/02/010
Augusta Schimidt
Enviado por Augusta Schimidt em 26/06/2010
Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras